Link Portal do Parceiro Schneider: https://ift.tt/2nSyQRB
——

⚡️ AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional: https://ift.tt/2B6Mgwh ⚡️
——

✋🏻 Para os NÃO INSCRITOS 🔴 “NÃO CLIQUE NO LINK” 🚫: https://ift.tt/2pb2BgS
——

👉 Conheça o Curso Gratuito de Eletricista da Engehall Elétrica:
https://ift.tt/2B2XaDh
——

👉 Conheça o Curso de Comandos Elétricos da Sala da Elétrica:
https://ift.tt/2M9ln1h
——

✅ Gostou desse vídeo?
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
✍️ Deixe seu comentário
📢 Compartilhe com os amigos
🕵 Siga nossas redes ➽ https://ift.tt/2MyzEU5
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

👉 Curso NR10 com 20% de desconto:
https://ift.tt/2OEFKoH
——

Hoje, no mercado, sabemos que existem diversos dispositivos elétricos, e para aqueles com maior potência – normalmente motores e equipamentos industriais – realizar acionamentos pode ser complicado. Afinal, interruptores comuns queimam facilmente graças às altas correntes destes circuitos, não é mesmo?

É por isso que no setor industrial é um pouco diferente, pois verificamos que o controle do maquinário é feito com base na utilização de alguns dispositivos e equipamentos, responsáveis pelo gerenciamento de processos e utilizados amplamente quando se fala em automação.

Entre os principais exemplos podemos citar os controladores lógicos programáveis (CLPs), relés, interruptores, controladores de motores e contatores. Os contatores existem para que sejam apresentados contatos mais adequados ao acionamento e muitas formas de se ligar e desligar equipamentos com maior segurança.

Ao decorrer deste texto, vamos destacar a importância de utilizar os contatores, mencionando algumas de suas aplicações. Indicaremos também qual a finalidade de usá-los ainda que existam inúmeros outros dispositivos que garantam um funcionamento estável na gestão e controle dos mecanismos produtivos.

Vamos conhecer um pouco mais sobre esses equipamentos tão importantes para a indústria? Acompanhe este texto!

O que são contatores?

Como mencionamos anteriormente, podemos dizer que o contator é uma espécie de interruptor ou chave magnética tendo como principal função controlar equipamentos elétricos à distância, indicando ao operador o status da carga a ser gerenciada, esteja a mesma ligada ou desligada.contatores

Recomendado para uso com potências elevadas e tensão máxima de 1000 V. Seus contatos possuem dimensões maiores, apresentando melhor justaposição ou encaixe, além de abertura e fechamento rápidos conforme a necessidade. Possui funcionamento semelhante ao do relé, utilizado na proteção dos alimentadores a ele conectados.

Em geral, os circuitos que integram esse dispositivo são: principal, de comando e de sinalização. O primeiro apresenta contatos NA (normalmente abertos), o mesmo ocorrendo com o contato no circuito de comando (que também é NA) e finalmente o contato do circuito de sinalização é NF (normalmente fechado) na condição em que a bobina encontra-se desenergizada. Quando ela está energizada, os contatos NA tornam-se NF e o NF muda para NA.

Os motores de alta potência industriais apresentam corrente de partida bastante elevada, o que nos impede de utilizarmos nesse caso interruptores comuns os quais possuem contatos que se desgastam facilmente, devido ao arco elétrico existente no processo de abertura e repique (com falha na passagem de corrente) quando estão fechados. Nesses equipamentos existe inclusive uma grande carga indutiva e visando um controle adequado sobre o funcionamento deles, evitando que ocorra desgaste ou queima sob alimentação, utilizamos o contator, que representa a única solução ajustável a condições em que exista grande fluxo de corrente. Esse dispositivo funciona com pequenas correntes relacionadas ao circuito de comando, contendo uma bobina responsável pelo processo de manobra dos contatos que constituem suas chaves magnéticas fundamentais à redução do fluxo de cargas no tempo.

Para utilizar o contator é necessário que se conheça o valor nominal de tensão suficiente para energizar a bobina e a corrente máxima a ser suportada pelos contatos. Os alimentadores do equipamento devem conter relés de proteção contra sobrecarga ou superaquecimento e estarem ligados em série com as botoeiras, contato de selo e relé térmico (contatos auxiliares).

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *